Laundry

Depois de tanto tempo, achei que eu fosse motivo de alegria e orgulho, mas não. À medida que eu mostrava o que eu era capaz de fazer e te dar, tu foste elevando a barra a uma altura que ficou impossível de alcançar. E não importa as noites em claro, as realizações e prêmios, os elogias e a minha constante necessidade de te agradar, eu nunca serei boa o suficiente.

Decepção. Essa é a única coisa que eu vejo nos teus olhos pra mim. Nem uma faísca de orguho. Só o retrato da pessoa que tu sempre quiseste que eu fosse, mas que eu nunca me tornarei.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s